sábado, 17 de Maio de 2014

E só para que conste...

Eu celebrei no Marquês!!! Qualquer tentativa de prova em contrario é pura calúnia!!!


Está vivo!!!

Bolas, que isto por aqui está com tanto pó, e com tantos ácaros que ampliados davam para fazer um belo filme de terror... Adiante...
Sim sim... Parece que continuo viva, enterrada em trabalho mas viva, sem tempo ou disponibilidade para coisas da blogosfera. 
Ah e se tenho saudades disto, de vir para aqui mandar a minha bela posta de pescada, de passar pelos vossos quartos de palavras, claro que tenho, mas a vida não dá para mais. Assim de relance já me apercebi que outros quartos de palavras que eu seguia também foram mudando, uns foram-se deixando parar... Assim à primeira vista também reparei que pelo menos um mudou o nome do tasco (agora aquilo é de outro mundo :D), outros continuam iguais a si mesmos, como eu sempre gostei.  Poderia falar um a um mas não tenho tempo para isso e não quero matar ninguém de tédio.. 

Agora coisas importantes à séria que aconteceram nos últimos (quase) 6 meses acerca das quais vale a pena falar? Ah pois o Benfica foi campión carago!!!




sábado, 4 de Janeiro de 2014

A realização de desejos supostamente impossíveis!!!

Estava eu prontinha para vir aqui deixar pérolas fantásticas do meu dia a dia, partilhar com vocês os sonhos para o novo ano, desejar-vos um Feliz 2014 (então? também ainda só é dia 4), fazer uma coisa bonita cheia de imagens e tal, mas... Parou tudo! Tinha que partilhar isto já (caso contrário, provavelmente esquecia-me...).
Então é assim, reza a história que eu Catarina, menina simples, além do meu trauma e da minha tristeza por não ter uma caligrafia redondinha e bonitinha como a das outras meninas (entre outros), também nunca tinha sido brindada, com a sorte de me sair um daqueles brindes, no mínimo ranhosos do bolo rei, está bem, eram ranhosos mas nunca me saiu nenhum para grande tristeza minha, favas sim, e muitas, mas essa porcaria dos brindes saia sempre aos outros e mim nunca. Chega a uma altura que proibiram essa coisa dos brindes e das favas de modo que o meu sonho de alguma vez encontrar o brinde ranhoso do bolo rei morreu... Pensava eu! Já que antes de me sentar para desejar a todos um Feliz 2014, fui mandar uma trinchada num bolo Rei e.... Tcharan!!!! Saiu-me o brinde!!! Ah pois saiu! Até tirava uma fotografia ao bicho mas estou com preguiça e não me apetece procurar o cabo para transferir a foto para o pc, mas pronto o brinde é assim um Rei Mago (pelo menos a mim parece-me um rei mago), todo colorido e muito mais bonito do que os brindes ranhosos de antigamente, espero que me traga muito ouro eheheheh (brincadeira)!
Face a isto, tenho mesmo de augurar um 2014 cheio de realizações, porque a realização de um desejo é boa, a realização, inesperada de um desejo supostamente impossível é ainda melhor :) 

sábado, 28 de Dezembro de 2013

O meu Natal e Planos para o Novo Ano

Ainda não tinha falado dos meus presentes de Natal e de tudo isso, e aposto que estava tudo curioso para ver as imagens das roupinhas, dos sapatinhos, dos livrinhos ou dos paninhos bordados que recebi, pois se estavam curiosos, por aí vão ficar... Eis a "maior" dádiva deste Natal: 


E no seguimento do Natal, uma vez que vem aí o novo ano, o que pretendo para 2014? Seguir os meus sonhos sempre!


Recomendo vivamente que sigam este conselho! 

"Era uma vez uma resposta a um comentário que virou post"

Eu sei que estamos ainda em época Natalícia, que é tempo de Paz, Amor e Harmonia e isso tudo... Mas quem já me conhece sabe que as provocações fazem-me comichão, ficam difíceis de ignorar... Bai daí que uma pessoa esmera-se a escrever uma missiva natalícia toda personalizada, escrita à mão cheia de amor e carinho e salta na minha caixa de comentários (e já nem falo das "Private Jokes") alguém a chamar a minha caligrafia de ilegível, mau... Eu que em determinada fase da minha vida tive alguns complexos por não ter uma caligrafia "de menina" redondinha e bonitinha, coisa que me criou alguns traumas na adolescência,  tenho agora de levar com isso... Grrrr!!! Além disso a minha caligrafia foi comparada à letra do médico de família de quem deixou o comentário... Bem, eu que já lidei bastante (em tempos, que agora as receitas são quase todas electrónicas) com letras de médicos, só tenho a dizer que se a letra do médico em questão era como a minha, então os farmacêuticos da zona eram fraquinhos na arte da adivinhação tantas vezes por nós colocada em prática nessas circunstâncias :p 
E já que falamos em artes de adivinhação na Farmácia quase que trocava as receitas electrónicas pelas receitas manuscritas outra vez desde que abolissem isto da prescrição por principio activo, quando existem 3597 genéricos diferentes do mesmo medicamento e se perde uma eternidade a "mostrar caixas de sapatos" até acertar no que a pessoa toma! A dificuldade desta tarefa torna-se acrescida, quando encontramos quem insiste que toma o "ginérico" de um determinado medicamento, cuja caixa, não nenhuma das 37 que temos em stock e que de sorriso na tromba apresentamos, e que é vermelha, se queixa o tempo todo que está farto que as farmácias tentem impingir determinado "ginérico",  e depois de muita arte da adivinhação e num laivo de inspiração nos lembramos de mostrar as marcas desse determinado medicamento, e a pessoa de sorriso nos lábios e êxtase diz: "É esta!!!", pequeno detalhe, além de não ser genérico: a caixa era branca! Por isso... Letras ilegíveis, é para meninos! Mas é sempre bom passar de besta (que queria impingir um ginérico, a bestial que conseguiu abrir a caixa com "O Segredo". )
Agora meu caro faça o favor de tentar ler novamente a missiva, deixe de ser preguiçoso e pouco determinado :p
Cumprimentos Natalícios, Jingle Bell Jingle Bell!



P.S.: Este post não passa de uma brincadeira bem humorada à semelhança das referências à minha caligrafia ilegível :p