sábado, 24 de novembro de 2012

O meu irmão :)

"Ter um irmão é ter, pra sempre,
 uma infância lembrada com segurança em outro coração."
Tati Bernardi

O que me contam...
Sussurram em jeito de segredo antigo, que quando ainda andavas na barriga da mãe, gostava de levantar a camisola da mãe apontar para a barriga e dizer orgulhosamente inchada como um carapau: "Está aqui o meu mano" :) Contam também uma birra que eu fiz na casa do avô num jantar de família quando a mãe se recusou a mostrar a barriga onde estava o meu mano, porque estava de vestido...
Contam que quando nasceste e te foi ver ao hospital fiquei tão assustada contigo que não me consegui chegar perto de ti fiquei agarrada à perna do pai, quando acabaste de nascer devias ser bonito devias, ou então estava só mesmo assustado, porque de uma bolinha mimosa e de pele fofa onde dava beijinhos todos os dias saiu algo que não estava propriamente à espera...

O que me lembro... 
Lembro-me, e esta é uma das minhas memórias mais antigas, de estares a gatinhar no pátio da casa onde morámos antigamente e de eu querer à força toda levantar-te para te pores a caminhar, lembro-me dos tempos em que dividimos o mesmo quarto brincarmos aos aviões (nãos sei como nunca nenhum de nós partiu a cabeça na estante que estava na parede...), das cambalhotas no sofá, de te arrastar comigo nas fugas durante a hora da sesta, da solução drástica da mãe para terminar com as nossas lutas por ambos querermos ser o primeiro a ser servido de refresco e dessa briga ter culminado num belo banho de tang dividido em simultâneo na cabeça de cada um tudo em prol do direito de igualdade...
Lembro-me dos Verões a apanhar amoras, lembro-me de ter vontade de bater na senhora professora por te dar reguadas por causa da tabuada que tinhas treinado em casa comigo e que sabias cantá-la e no momento  de a dizer à senhora professora o medo daquela mulher tolhia-te os neurónios... Lembro-me de ser eu a dar-te calduços e do avô dizer: "Hoje dás-lhe tu amanhã dá-te ele, em breve ele vai estar maior do que tu". Lembro-me de aprendermos a andar de bicicleta, lembro-me de teres estragado a minha bola do zoomarine oferecida directamente pela cauda do golfinho (grrrrr), lembro-me de ter ciumes de ti e achar que era adoptada por achar que os pais gostavam mais de ti do que de mim...
Lembro-me de achar que te podia proteger mesmo quando já eras tu que me protegias pois já eras maior do que eu :) 

O que eu sei hoje...
És um amigo, és confidente, és ouvinte, és paciência em noite de pesadelos... 
És o meu irmão e eu amo-te muito, e não abraço igual ao teu, não há palavras que cheguem para tanto carinho que te tenho!

Parabéns Maninho :) 

32 comentários:

  1. Tão lindo :D
    Eu também tenho irmãos e passei por situações parecidas às que descreveste :P
    Vê-se claramente que adoras o teu irmão e ele de certeza que também te adora a ti :)
    Beijinhos e muitos parabéns :D*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. PS, não tenho dúvidas que é recíproco :)

      Obrigado!

      Beijinhos

      Eliminar
  2. Antes de mais, gosto da nova decoração aqui do sítio... está mais leve... A antiga era muito cinzentona, literalemente. =)

    Depois, gostei muito da tua partilha de histórias e memórias da infância com o teu mano. Eu tenho uma mana mais nova, também. E, apesar de todas as birras e discussões e "desaparece!" e "devem ter trocado a minha irmã fofinha por esta peste na maternidade", nem sei imaginar a minha vida sem ela!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Briseis, vou dizer uma coisa altamente parola mas muito verdade :p Estava da cor da minha alma :p Agora fez-se nova luz e eu gosto de mudar, também gostei da mudança :)

      Sabes, nós também temos uma piolha em casa em forma de gente que veio mais tarde a nossa pequena irmã :) Tem 8 anos e não fez parte destas brincadeiras, mas ela e o meu irmão conseguem ter a interacção que eu tinha com o meu irmão quando éramos mais novos, já eu como saí de casa no ano em que ela nasceu não partilhei tanto essa realidade com ela, mas também temos as nossas brigas, porque ela tem 8 anos mas não papa grupos, já "discutimos" por causa da Hello Kitty e do Justin Biebier e também temos as nossas brincadeiras :p

      Beijinhos

      Eliminar
  3. um beijo minha querida por essa delicadeza de palavras, por seres um ser humano doce e luminoso!

    Parabéns ao teu irmão, parabéns a ti e que tenham ambos um dia muito feliz! <3


    beijinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alexandra, muito obrigado, um beijinho grande :)*

      Eliminar
  4. Ahh que fofinho Poppy...
    Me fez rir com as peripécias e senti a tua saudade desta fase linda.
    Um Parabéns especial para este mano querido e amado.
    Para ti, minha amiga, um beijo do tamanho da nossa amizade!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pat. Um beijo grande para ti também e obrigado pelas tuas palavras, serão entregues os Parabéns ao mano!

      Eliminar
  5. Muito bonito... tanta ternura que demonstras ter pelo teu irmão. Eu não tenho irmãos, sempre fui filha única numa casa silenciosa, sem brigas nem discussões, mas tenho muita pena de não ter tido um irmão...

    Beijinhos*:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AC, tenho mesmo um amor enorme pelos meus irmãos, o dia de aniversário deles para mim é mesmo um dia de festa porque eles mudaram o meu mundo :)

      Um beijo e obrigado pelas palavras :)*

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Vicky foi escrito do coração :) Obrigado

      Eliminar
  7. Parabéns ao teu irmão :)

    Tenho 2 irmãos, também rapazes, um mais velho e um mais novo (sou o do meio - no meio é que está a virtude ahah xD). Picamo-nos e discutimos e gozamos uns com os outros, mas é óbvio que há o chamado "amor de irmãos" :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Roger as picardias de irmãos são normais :) Oh faltou aí uma princesinha para dar cor ao ramalhete :p

      No nosso caso somos 2 irmãs e o meu irmão, a minha irmã é bastante mais nova do que nós acaba por sentir-se filha única, quando ela nasceu eu saí de casa passados uns meses, passados uns anos saiu o meu irmão, ela acaba por sentir imensas saudades nossas mas é a vida...

      Ficam giras é as conversas dela, que passa a vida a dizer que as mulheres lá em casa estão em maioria :)

      Eliminar
  8. Um abraço ao mano, ainda que um pouco atrasado.
    Beijinhos e votos de boa semana.

    P.S. Assustar-se ao ber o bebé é normal - têm todos cara de joelho nos primeiros dias!! :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro Coimbra, eu tinha 2 anos e meio quando ele nasceu, estava tão espectante a sonhar talvez com uma espécie de nenuco e depois chego lá e deparo-me com "aquilo", é que ainda para mais o meu irmão nasceu prematuro era muito pequenino!

      O abraço vai sempre a tempo :)

      Beijinhos e bom fim de semana

      Eliminar
  9. Um irmão/ã é... existe nome? :)
    Faz-se tudo por eles, e sabemos que ao contrário também funciona da mesma forma.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. S.o.l. acho que não existem palavras para completar essa frase... Muito me surpreende saber que há irmãos que não se dão bem :(

      Beijinhos e bom fim de semana

      Eliminar
  10. Que relação linda e forte... parabéns ao mano e a ti.

    ResponderEliminar
  11. Olà Poppy

    Eu e o teu irmão temos algo em comum, escorpião :)
    Acredito que este foi o melhor presente que ele recebeu, parabéns, deslumbraste-te nas palavras e naquilo que significam um para o outro .
    Aposto que ainda hoje são rebeldes um com o outro :)

    Parabéns e abraços

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Live Blog, oficialmente ele já é Sagitário, mas é um Sagitário ainda com influências de Escorpião :)

      Fizeste anos recentemente então, um abraço de Parabéns atrasado :D

      Eu não estava à beira dele quando leu o texto e ele nem disse nada de especial sobre o mesmo disse que gostou, mas a namorada que estava à beira dele disse que os olhos até brilharam :) Eu gostei muito de escrever este texto.

      Temos as nossas picardices, mas nós estamos tão pouco tempo juntos que não sobra muito tempo para essas rebeldias.

      Abraços

      Eliminar
  12. Gaita, nós não escolhemos os membros da nossa família! Os irmãos saem-nos da rifa e não podemos escolher como queremos que eles sejam. ;)

    Eu não passei por nada disso que tu passaste porque sou o benjamim do meu clã. E ainda bem. Nem queria que os meus pais tivessem mais filhos. Era mau e muito egoísta, queria todas as atenções só para mim... mas com o tempo mudei e aprendi a ver as coisas com outros olhos. Com os olhos de generosidade e de compreensão com que o meu irmão sempre viu as coisas e com aquele optimismo que, embora por vezes macarrónico, o caracteriza. :)

    E ter um mano é mesmo assim... vale sempre a pena ter um do que não ter nenhum. :)

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. FireHead que tu és mimado já deu para perceber eheheheheheh, olha que a minha irmã é o Benjamim da casa e já se virou para os meus pais e disse que queria mais um irmão, vê lá bem!

      Beijinhos

      Eliminar
    2. Mesmo que os meus pais quisessem ter mais filhos, só mesmo adoptando, porque depois de eu nascer a minha velha ficou com as trompas laqueadas. Tal como o meu irmão, nasci também de cesariana e o médico aconselhou a minha mãe a não correr o risco de ter mais algum parto assim. Eram outros tempos na altura; é claro que hoje em dia já há mulheres que tiveram três ou mais cesarianas.
      Aliás, eu próprio fui uma gravidez de risco para a minha mãe e poderia nem sequer ter sobrevivido. Até o médico chegou a fazer aquela pergunta tola ao meu, se queria salvar a mulher ou o filho (daquelas perguntas que não merecem respostas), e o meu pai, como também não podia dizer outra coisa, respondeu-lhe: "tente salvar os dois". É claro que a haver um sacrificado este seria eu. E compreender-se-ia, é claro.

      Beijinhos.

      Eliminar
  13. Vim conhecer este blogue através da arvore de Natal da Blogosfera.
    Voltarei com mais tempo para o conhecer melhor.
    Saudações
    Irene Alves

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vinda Irene :)

      Beijinhos e bom fim de semana*

      Eliminar
  14. Venho agradecer se ter registado no meu blogue.
    Tenho um da wordpress que é:
    http://sinfoniaesol.wordpress.com
    se o quiser visitar ficaria feliz.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  15. Gostei tanto deste post. :) És irma coruja, como eu.
    Mesmo nao o dizendo, mas penso exactamente assim em relacao ao meu.
    Os irmaos sao presentes dos pais para a nossa vida. Nunca estamos sós.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pukas, irmã coruja ainda não me tinham denominado... eheheheh sim concordo plenamente os irmãos são presentes mesmo.

      Beijinhos

      Eliminar